Contagem regressiva para a 37ª Feistock em São Bento do Sul

Evento aquece vários setores da economia na Capital Nacional dos Móveis, em Santa Catarina A contagem regressiva para mais uma edição da Feistock – Feira de Móveis e Decorações iniciou. Considerada a maior feira do setor direcionada para profissionais como arquitetos, designers de interiores e para o consumidor final, será realizada entre os dias 15 e 18 de junho, no Centro de Eventos Promosul, em São Bento do Sul (SC). O município é reconhecido nacionalmente por carregar o título de Capital Nacional dos Móveis. O evento contará com a presença de mais de 100 expositores nacionais que apresentarão as últimas tendências em móveis, decoração e design de interiores. Serão quatro dias repletos de oportunidades para profissionais do setor, arquitetos, decoradores e público em geral. Mais de 20 mil pessoas são esperadas no evento deste ano, realizado num espaço de 15 mil metros quadrados onde são ofertados mais de 10 mil produtos. Feistock em números Desde o seu início, a Feistock - Feira de Móveis e Decoração atraiu mais de 750 mil clientes e turistas. Ao longo das edições foram comercializados mais de R$ 647 milhões de reais, exclusivamente para o consumidor final. O cálculo médio geral de faturamento é de R$ 18,5 milhões por edição. Através destes números, o valor de ICMS gerado para o estado de Santa Catarina gira em torno de R$ 3,1 milhões, com um retorno médio para os municípios de 25%, que totalizam em média R$ 786.250,00. A cada edição da Feistock são geradas cerca de 1.035 vagas diretas de emprego, somando uma renda extra de R$ 621 mil reais. Regionalmente falando, o impacto na geração de gastos turísticos fora da feira para São Bento do Sul e região é de R$ 3,6 milhões. O ticket médio de gastos de cada turista que visita a região é de R$ 150,00 por dia. Esses números mostram como a Feistock movimenta a economia municipal, regional e estadual, através do longo histórico que a região tem como indústria moveleira. Economia associada diretamente à história regional A Feistock tem origem na tradição dos colonizadores que chegaram à Santa Catarina por meio da Cia. Colonizadora com sede em Hamburgo, na Alemanha. Mesmo não possuindo mais terras na região da então Colônia Dona Francisca – atual Joinville, a maior cidade catarinense -, a companhia mantinha o embarque de imigrantes para a região. Na busca por alternativas de subsistência, representantes desses colonos vindos de diversas regiões da Áustria, Bavária, Prússia, Polônia, Saxônia e Tchecoslováquia subiram a Serra Geral a pé, em direção ao planalto. Era o ano de 1.873 e, no lombo de mulas, traziam poucos mantimentos e ferramentas. Foi assim que surgiu um pequeno assentamento às margens do Riacho São Bento, local que serviu para a construção do primeiro rancho e hoje é um pujante polo moveleiro no Sul do Brasil. Esses imigrantes mantiveram no Brasil partes de sua cultura original expressando-a na música, literatura, arquitetura e no teatro. Com o passar dos anos, São Bento do Sul descobriu na transformação da madeira sua vocação. Da iniciativa do pequeno agricultor em montar sua fábrica artesanal, São Bento do Sul começou a delinear seu futuro. Hoje, o município é a Capital Nacional dos Móveis e se destaca nos setores cerâmico, plástico, metalúrgico, fiação e tecelagem. Serviço: O quê: 37ª Feistock - Feira de Móveis e Decoração Quando: De 15 a 18 de junho, das 10h às 20h. Local: Pavilhão de Eventos Promosul - Travessa Francisco Soehtje, nº 320 – Bairro Brasília – São Bento do Sul(SC) Entrada da Feira: Gratuita Informações: www.feistock.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Últimas