Quase 70% das empresas locais realizam saldões para vender mais em janeiro

 


Janeiro é oficialmente o mês das liquidações. Momento em que as empresas apostam na queima do estoque para liquidar mercadorias paradas e melhorar as vendas no início do ano. 

De acordo com um levantamento realizado pela CDL Uberlândia, na última quinzena de dezembro, 68,8% das empresas pretendem realizar saldões durante o mês de janeiro. Para 63,6% dos empresários, a expectativa é de aumento nas vendas, na comparação com o mesmo período do ano passado, enquanto 18,2% estimam uma queda no faturamento e 18,2% preveem um resultado semelhante a 2023. 

Ainda sobre a sondagem, maioria dos entrevistados (90,9%) trabalharão com uma margem de descontos entre 10% e 50%, ao passo que 9,1% planejam reduções acima de 50%. 

67% dos consumidores locais devem ir às compras 

Em relação aos consumidores, 67% devem aproveitar a data para fazer economia. Entre os itens mais desejados estão: artigos de casa e decoração, eletrônicos, móveis, eletrodomésticos, calçados e vestuários. 

70% dos respondentes preferem comprar em lojas físicas e o gasto médio será de R$200 para 50% dos entrevistados, de R$200 a R$500 para 40% dos entrevistados e de R$500 a R$1.000 para os 10% restantes. 

Questionados sobre quais benefícios eles julgam ser mais atrativos no momento da compra, 57% citaram o frete grátis, 29% preferem o parcelamento sem juros e 14% elegeram o bom atendimento. 

Estratégias de vendas 

Se você não se planejou para esse período, acompanhe algumas dicas simples para colocar em prática a partir de agora! 

FAÇA O ESTOQUE GIRAR: esse é o momento de liquidar as mercadorias que estão deixando o seu dinheiro parado. 

APROVEITE AS TROCAS E DEVOLUÇÕES: uma das maiores reclamações dos consumidores é a falta de preparo e atenção da loja na hora de trocar produtos. O vendedor precisa ter em mente que essa é uma ótima chance de oferecer mais produtos, aumentar o ticket médio e fidelizar um novo cliente, já que muitas vezes, quem vai à loja é o presenteado e não o comprador. 

DEFINA PRAZOS: é essencial que sua campanha tenha início e término. Além disso, reforce em toda comunicação que as promoções só serão válidas enquanto o estoque estiver disponível. 

APLIQUE DESCONTOS REAIS. Aumentar o preço dias antes da ação para criar reduções na data é uma prática desleal, que impacta a imagem do seu negócio. 

TRABALHE COM AMPLAS ESTRATÉGIAS DE DESCONTO, como: kits promocionais, leve 2 e pague 1, descontos progressivos, brindes para compras de maior valor, etc. 

CAPRICHE NA DIVULGAÇÃO. Trabalhe vitrines criativas, crie etiquetas com descontos para as peças e intensifique esse trabalho nas redes sociais da empresa.

 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Últimas