Hetrin reforça ao público masculino a importância da prevenção como caminho para uma vida saudável

Médicos do hospital de Trindade afirmam que muitas doenças são diagnosticadas precocemente quando há monitoramento e postura preventiva por parte dos homens

Eles evitam consultas médicas, negligenciam pequenos sintomas que surgem no cotidiano e, em muitas situações, subestimam a importância de se preocupar com a própria saúde. Na maioria dos casos, é desta forma que os homens se comportam. Por isso, o alerta durante este mês da campanha Novembro Azul é chamar a atenção do público masculino não só para a prevenção do câncer de próstata, mas para a saúde em geral o ano todo. Pensando nisso, os setores de urologia e cardiologia do Hospital Estadual de Trindade (Hetrin), unidade do governo de Goiás com administração do Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento (IMED), estão divulgando orientações a fim de que os homens possam incorporar à rotina para ter uma vida mais saudável.

Na tentativa de acabar com a negligência da própria saúde, o corpo clínico do hospital reforça ao público masculino a palavra-chave: prevenção. Independente da especialidade médica, fazer o monitoramento de sintomas iniciais e cuidar da saúde pode elevar, e muito, a qualidade de vida. Existem diversas doenças que requerem atenção e podem ser prevenidas se diagnosticadas precocemente, como é o caso da diabetes. Se descoberta no estágio de pré-diabetes, é possível evitar que evolua para uma forma mais grave, seja do tipo 1 ou 2.

O médico cardiologista, Dr. Marcos Perillo, destaca sobre a importância de fazer o check-up, anualmente, a partir dos 40 anos. “Em caso de ter parentes de primeiro grau com doença cardíaca, é importante começar um pouco antes, a partir dos 35 anos".

Ele também reforça que, em caso de algum sintoma, é necessário procurar o cardiologista independentemente da idade. “A realização do check-up e dos exames de rotina possibilita detectar doenças antes de manifestarem sintomas. No teste na esteira, por exemplo, é possível identificar se a artéria do coração está entupida antes de ocorrer um infarto".

Já o médico urologista, Dr. Wagner Kono, destaca que doenças como o câncer de próstata não apresentam sintomas em sua fase inicial, o que ressalta ainda mais a necessidade de exames regulares para evitar descobertas tardias. "É importante destacar que o diagnóstico precoce aumenta as chances de cura do câncer de próstata, por isso é crucial realizar exames de rotina com seu médico", enfatiza.

Saúde do homem

De acordo com um levantamento realizado pelo Centro de Referência em Saúde do Homem de São Paulo, 70% dos homens que buscam consultas médicas foram influenciados por mulheres ou filhos. O estudo também destaca que mais da metade desses pacientes adiou a consulta médica, chegando posteriormente com doenças em estágio avançado.

Por essa razão, em 2009, o Ministério da Saúde introduziu a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem. Um dos principais propósitos é estimular iniciativas de saúde que auxiliem na compreensão das especificidades da realidade masculina e proporcionar um acolhimento mais efetivo no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

Segundo os dados da Secretaria Estadual de Saúde de Goiás (SES), de 2017 a 2021, foram registrados 134.601 óbitos de homens com idade acima de 20 anos no Estado, dos quais 43,79% na faixa entre 30 e 69 anos, com destaque para a população masculina com mais de 50 anos, que reuniam, à época, 76,62% do total das mortes. Com relação às causas das mortes, 22,66% ocorreram por doenças do aparelho circulatório e 18,36% por causas externas, como acidentes, homicídios, entre outros. 

"Um ponto importante são os exercícios físicos, frequentemente negligenciados por muitos homens na fase adulta. Nós, cardiologistas, recomendamos pelo menos 3 vezes por semana, 50 ou 60 minutos de exercício, ou todos os dias 30 minutos. Este é o volume ideal para prevenir a maioria das doenças e promover uma boa recuperação após cirurgias e algumas infecções", explica Perillo, reforçando a adoção de hábitos saudáveis na rotina.

O urologista do Hetrin endossa a orientação do colega e acrescenta mais uma dica, desta vez sobre a alimentação. "A prevenção começa com bons hábitos alimentares, como o consumo abundante de frutas, legumes e verduras. Manter uma alimentação balanceada é essencial para obter todos os nutrientes necessários para uma vida saudável”, afirma Kono.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Últimas