YoGamers do Bem: jovens de Pedro Leopoldo se tornam moderadores do Grupo SehLoiro

Um grande sonho que se tornou realidade. Dois alunos do Instituto YoGamers do Bem (YGB) estiveram no tradicional prêmio CBLOL, no dia 30 de novembro, a convite da RIOT Games, organizadora do evento, e puderam vivenciar momentos inesquecíveis com personalidades do mundo dos eSports brasileiro. Kleuver Souza e Mateus Emanuel Xavier Magalhães, de apenas 18 anos de idade, fizeram parte da turma inaugural do curso de Moderadores YGB do primeiro semestre de 2022, em parceria com a Escola Sebrae de Minas Gerais, com o desejo de entrar no mercado profissional de eSports.

Os jovens participaram no time de estagiários da Moderação SL por três meses e foram contratados oficialmente pelo Grupo SehLoiro para iniciar 2023 no time de moderadores. Com isso, farão parte ativamente do cenário competitivo brasileiro da RIOT Games. A presença deles no Prêmio CBLOL celebra a parceria entre Grupo SehLoiro e a Riot Games Brasil na Moderação SL. A jornada de sucesso começou em 2022 e levou aos chats dos campeonatos da publisher – CBLOL, CBLOL Academy, VALORANT Champions Tour BR (VCT BR) e Wild Tour BR – uma conexão ainda maior entre o público e o cenário competitivo.

Para Mateus Emanuel Xavier Magalhães, o curso de moderadores e o prêmio da CBLOL foram passos importantes em sua vida. "É bem difícil dizer a sensação que a gente tem ao receber um convite tão importante como esse, tanto que na hora, fiquei um pouco em choque e extasiado. Estou falando de sonhos que a gente tem desde criança, que é de participar de um evento do porte que é o prêmio da CBLOL, que a Sehloiro, junto da YoGamers do Bem proporcionaram. Quanto a viagem, fico sem palavras pelo quão sou grato por ter ganhado essa oportunidade e além disso, na torcida para exercer uma boa função como moderador e me consolidar na empresa. Poder fazer parte da família Sehloiro e da YoGamers do Bem em Pedro Leopoldo é demais, pois, o que eles fazem é incrivel!", comemorou.

Já para Kleuver Souza, foi um sonho realizado, já que ele é apaixonado por computador e games. Receber o convite foi uma surpresa. "É uma sensação muito gratificante ter participado de um evento dessa magnitude, tanto que quando recebi o convite para o premido CBLOL, eu nem estava esperando esse tipo de chance, pois eu estava na aula. Ai quando abri o WhatsApp, fiquei muito surpreso e feliz porque o curso de moderação que nós fizemos na YoGamers foi uma experiencia incrível, já que sou apaixonado com jogos e computadores. Fora isso, não minto que a sensação de usar esse tipo de ferramenta para trabalhar é excelente, ou seja, a realização de um sonho. Quero agradecer do fundo do meu coração por essa incrivel oportunidade que tive através da SehLoiro e da YoGamers do Bem", completou.

Além da importância para a comunidade dos esportes eletrônicos fazendo o elo entre jogo/streamer/pro player e sua comunidade, a parceria com a Riot Games conclui o primeiro ciclo de uma nova profissão gamer que o Grupo SL fomenta e desenvolve há algum tempo, visando a transformação sociocultural e inserção no mercado de trabalho. "É muito importante e de extrema felicidade ver esses dois jovens sonhadores fazendo parte dessa celebração tão tradicional do nosso cenário, que é o Prêmio CBLOL. São dois novos talentos de uma função essencial para a nossa comunidade. Além de tudo, eles agora fazem parte do Grupo SL e poderão integrar o time que modera os campeonatos da RIOT Games", afirmou YoDa.

Profissionalização da função

A Moderação SL tem uma metodologia especializada e conta com uma equipe de profissionais dedicados integralmente à função, com mais de 20 colaboradores. Ela tem o propósito de desenvolver uma comunidade capaz de multiplicar a cultura live streaming, promover a imersão, interação, engajamento, diálogo e respeito às relações humanas, com a construção coletiva de uma comunidade cada vez menos tóxica e mais empática por meio da educação.

"A geração de empregos e renda a novos talentos é um dos pilares mais importantes do YGB. Vivemos e respiramos todos os dias no mundo digital e contribuir na formação e capacitação de jovens, para o mercado de trabalho na economia criativa, sempre foi e sempre será minha inspiração. Eu me sinto muito honrada por fazer parte desse time incrível que estamos formando", afirmou Adriana Noronha, sócia executiva do Grupo SehLoiro e VP do YGB.

Ainda de acordo com ela, a Riot Games percebeu a importância do moderador no mercado de trabalho. "Foi um ano muito difícil, mas esse é um dos melhores resultados desde 2019 e a Riot deu uma super importância para tudo isso, já que são protagonistas nesse espaço de contratação de moderadores. Vai ter um take deles na abertura do Campeonato Brasileiro de 2023, em janeiro e com isso vai aparecer uma captação de imagens que eles fizeram onde os meninos vão aparecer para o mundo todo. A Riot está nos apoiando bastante na profissão de moderação e por isso, estamos renovando a contrato com eles. No ano que vem o curso continua", avisou Adriana Noronha.

A Fundação Cultural Chico Xavier, que não é religiosa, não tem fins lucrativos e nenhum vínculo político-partidário, é uma das parceiras do projeto. O diretor-presidente, Jhon Harley, destaca que a entidade atua como um elo entre o Instituto YGB e as prefeituras de Pedro Leopoldo e Confins. "Estabelecemos boas parcerias e conseguimos realizar este projeto em 2019. E agora, estamos colhendo os primeiros frutos pós retomada em virtude da pandemia. Conhecimentos compartilhados e experiências enriquecedoras aos alunos, sobretudo de escolas públicas indicadas pelos municípios, que foram beneficiados por esta iniciativa socioeducativa", afirma.

Inclusão digital

O Grupo SehLoiro é pioneiro ao desenvolver a Moderação de Chat como uma das profissões gamers dos próximos anos. Além do esforço diário de seus especialistas que atuam sob a metodologia SL, há também um trabalho social para a formação de novos talentos. Ele é feito no Instituto YoGamers do Bem, instituição sem fins lucrativos da qual YoDa é presidente e sua mãe e sócia, Adriana Noronha, é VP e Diretora. O YGB promove inclusão digital, conhecimento ao universo gamer e a transformação sociocultural para jovens de 10 a 17 anos de idade, matriculados em escolas públicas.

A presença de Kleuver e Mateus no Prêmio CBLOL também cumpre mais uma etapa do YGB em seu projeto de inclusão tecnológica e conhecimento ao universo gamer para jovens de escolas públicas na grande BH. "Há três anos, vimos uma oportunidade dentro da comunidade de Live Stream, o surgimento de uma nova profissão, que é a Moderação. Hoje, ensinar e participar da formação de novos moderadores é especial demais. Para nós do Grupo SehLoiro, os pilares de conteúdo e inclusão andam de mãos dadas e fornecer oportunidade para jovens é parte da nossa filosofia. Esperamos nos próximos anos expandir a profissão Moderação e capacitar novos talentos para o mercado de Streaming. Fico muito honrado em ter feito parte da formação das três turmas e tenho muito carinho por esses jovens que estão entrando no nosso cenário", comentou Gabriel 'Amendoim' Zambaldi, líder de comunidade do Grupo SehLoiro, que atua como voluntário do Instituto YoGamers do Bem.

Sobre o Grupo SehLoiro

O grupo SehLoiro, ou simplesmente SL, reúne as empresas SehLoiro, SehLoiro Studios e o Instituto YoGamers do Bem. Fundada pelos empresários Felipe Noronha e Adriana Noronha, atua em três principais pilares: conteúdo, responsabilidade social e network. Consolidado no mercado de produção de conteúdo ao vivo há quase uma década, o Grupo SehLoiro é reconhecido por sua criatividade e inovação, criação e produção de programas ao vivo. Amantes da diversidade cultural e do entretenimento, conectam culturas, visando o fortalecimento e sucesso da cultura live streaming.

Possui um histórico de recordes de audiência com os programas: Casos de Trabson, Batalha de Rap, YoTalkshow, YoPrêmio, Futebol dos Streamers e PlaYlist. É proprietária das marcas ÉoQ!Sehloiro, YoGamers do Bem, Fon, YoDinha, Yo, com projetos de collab firmados, que contaram com grandes nomes como 2a.m do grupo Positivo, Kalunga, HyperX e DT3, no lançamento de produtos de diversas categorias: periféricos, notebook, PCs, headfones, cadernos escolares e cadeiras gamers. É especialista na construção de marca, gestão de negócios, assessoria de imagem e carreira, no pilar da SL Network, que atualmente assessora: Felipe 'YoDa', Pedro Qualy, Mylon, Kra wk, Schaeppi, Jean Mago, Dang3r, Xofa e Alienígena.

Sobre o YGB

O Instituto YoGamers do Bem é uma instituição sem fins lucrativos, com total comprometimento com a sociedade. Tem como objetivo principal promover a inclusão tecnológica, o conhecimento ao universo gamer e a transformação sociocultural de jovens matriculados em escolas públicas. O projeto nasceu inicialmente na empresa SehLoiro, fundada por Felipe 'YoDa' Noronha, streamer, atleta campeão brasileiro de eSports, empresário e um dos maiores empreendedores do mercado Gamer do Brasil.

Atualmente, a sala gamer atende jovens de 10 a 17 anos, de ambos os sexos, residentes nos municípios de Pedro Leopoldo, Confins e alunos da Escola Sebrae. As oficinas são realizadas na sala gamer estruturada na Faculdade de Pedro Leopoldo, com atividades complementares em horário extra-turno à carga horária escolar regular. A ideia foi desenvolvida por YoDa, familiares, colaboradores, fãs e a comunidade gamer. Através do conhecimento e das oportunidades, é possível transformar a vida de inúmeras famílias. Com base nesses preceitos, o corpo diretivo do Instituto YGB é formado por YoDa (Presidente), Adriana Noronha (Vice-Presidente), pelo pai do streamer, Márcio Noronha (Diretor Operacional) e pelo avô, Marco Antonio Piller (Diretor Financeiro). As psicólogas Alessandra Dutra e Gabriella Machado são conselheiras fiscais. O profissional do segmento gamer que também compõe o Conselho é Yuri Freire (Presidente).


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Últimas